Breaking

sábado, 9 de janeiro de 2016

Livro infantil do MEC ensina sexo para as crianças: A verdade

Uma foto tem circulado na internet dizendo que um livro infantil do MEC ensina sexo para as crianças de forma um tanto exagerada e avançada demais para os pequenos.


Inicialmente postado no Twitter, a foto que mostra uma das páginas de um livro infantil controverso, logo ganhou outras redes sociais e evidentemente estourou em compartilhamentos no Facebook e Whatsapp. Milhares de pessoas indignadas começaram a escrever toda a sorte de xingamentos ao MEC (Ministério da Educação) por ter aprovado tal bizarrice.




Para fazer um bebê os pais têm que estar muito junto, muito juntos, muito juntos. Tão juntos que o pai mete-se dentro da mãe. Dentro da mãe? Como quando um mergulhador se mete no mar? Não. O que se mete é o pênis do papá na vagina da mamã. Os adultos gostam muito disso, porque é muito agradável



livro infantil do MEC ensina sexo para criancas

Livro infantil do MEC ensina Sexo para as Crianças?


O texto do livro é bastante constrangedor e verdadeiro, mas não pertence ao MEC e nem tampouco é brasileiro. Trata-se de uma tradução para Portugal do livro " Os bochechas querem saber... como nascemos" do autor galego Xosé Carreiro Montero, mais conhecido como Pepe Carreiro.

Alguns sites tem atribuído a foto ao livro "Mamãe como nasci" do escritor brasileiro Marcos Ribeiro. Marcos Ribeiro é sexólogo, com curso de Educação Sexual pelo Centro Nacional de Educación Sexual (Havana, Cuba) e Consultor em Sexualidade para o Ministério da Saúde, Fundação Roberto Marinho, entre outras instituições públicas e privadas.


O livro "Mamãe como nasci" de Marcos Ribeiro andou circulando nas escolas em 2011, sob o aval do MEC, mas logo sofreu severas criticas de pais e professores e foi retirado das escolas. O motivo, você pode ver em algumas ilustrações abaixo.


cartillha infantil


cartilha-educacao-sexual-6


Concluindo: A foto que anda circulando na internet não pertence a livros do MEC, mas sim de uma tradução para Portugal do livro "Os Bochechas querem saber... como nasci" do escritor galelgo Pepe Carreiro, mas a realidade do que já rolou por aqui, sob o aval do MEC é bem mais assustadora e torpe.



Um comentário:

  1. Amo esse site sempre tira minhas dúvidas sobre notícias de fato verdadeiras ou de fato falsas. Parabéns a todos 👏👏👏

    ResponderExcluir

Adbox